1. PcMarcelo
  2. Devotee
  3. Domingo, Fevereiro 06 2005, 09:19 PM
  4.  Assinar via e-mail
Embora um bando de mal amadas continuem a levantar o medo patológico dos bichos devotees mais e mais pessoas querem saber de fato o que acontecem, não aceitam o estereótipo de que deficiente é inferior coitado tem de ser protegido e não pode viver suas próprias experiências, já sofrem demais, devem ser poupado das amarguras da vida, como se isso também não trouxesse sofrimento...
Tem muito devotee que encontra uma pessoa e passa a viver com ele e fica só com ela, não é porque algumas ainda não acharam que não existam, mas somos tão hipócritas que quando um devotee resolve ter uma relação sólidas com uma defi ele, num passe de mágica vira não devotee, o sapo vira príncipe, pois as pessoas não querem aceitar os fatos.
Não é porque gostamos de defis que devemos ficar ou estabelecer relações sólidas com qualquer pessoa só porque ela é defi, e isso algumas pessoas não aceitam ou perdoam.

Gosto de pessoa interessantes, capazes de serem carinhadas e receberem carinhos, que gostem de um bom papo, sejam imaginativas no sexo, que possamos cozinhar juntos no sábado à noite, vestindo só avental, saboreando um bom vinho e sendo românticos.
Que se emocione ou arrepie-se num bom filme embaixo do cobertos na lareira da sala, dando e recebendo pipoca na boca.

Não somos iguais, deficientes não são iguais e as pessoas têm todo o direito de não aceitarem as diferenças, mas tem a obrigação moral de respeitá-las.


1001 beijos
Comentar
No h comentrios feitos ainda.
Adicionar comentrio


H respostas nesta postagem, mas voc no tem permisso para visualizar as respostas desta postagem